Granada

Roteiro de três dias em Granada

O que fazer em três dias em Granada

Veja um roteiro de três dias em Granada e saiba o que conhecer durante esse período em uma das cidades mais lindas do sul da Espanha. Se você planeja ficar três dias na cidade, o centro é uma das melhores regiões onde ficar em Granada, porque dessa forma você estará perto de tudo e imerso em um ambiente muito gostoso. O seu roteiro vai depender um pouco da época do ano, já que se for no inverno, a dica é dedicar um dia inteiro à Sierra Nevada e quem sabe, até se aventurar no esqui. Caso seja esse o seu caso, troque o nosso terceiro dia de roteiro por esse passeio. Veja abaixo três dias cheios de passeios e lugares para conhecer em Granada:

Granada - Palácio de la Generalife

E se você está planejando viajar para lá, não deixe de conferir também as dicas imperdíveis de como economizar muito na Espanha. São dicas muito boas, que valem a pena, e vão fazer você economizar muito em todo o planejamento da viagem e quando estiver lá. Sua viagem à Espanha vai sair mais barata do que imaginava e você poderá aproveitar ainda mais sua viagem. Agora veja tudo sobre um roteiro de três dias em Granada.

Primeiro dia em Granada

Dedique o primeiro dia na cidade a conhecer a famosa Alhambra – mas não se esqueça de agendar seu horário no site. Se conseguir, agende para a parte da manhã (embora o seu dia inteiro seja dedicado ao passeio). O acesso aos Palácios Nasridas têm tempo certo que vem indicado no bilhete, daí a importância de reservar com antecedência a sua entrada. Passado esse tempo, você não pode ficar nos palácios, mas pode ficar pelo recinto. Isso acontece porque o ponto turístico é muito procurado, então é uma forma de limitar o número de pessoas que visita o local ao mesmo tempo.

Alhambra - sala do palácio

Após conhecer os Palácios Nasridas, a dica é se perder pelos lindos jardins da Alhambra (que ficam fora desta), um espaço conhecido como Generalife. Trata-se de uma vila que foi habitada pelos reis muçulmanos e era um local de descanso. Tem diversos jardins lindos, todos muito decorados, hortas e arquitetura típica da tradição muçulmana. O intuito da Generalife era ser um lugar de divertimento e distração da vida oficial do palácio que os reis da dinastia nasrida tinham. Foi construída na metade do século XIII e, apesar de sua proximidade à Alhambra, se considerava que estava fora da cidade. A Generalife está formada por dois conjuntos de edificações, ligados pelo Patio de la Acequia, à direita fica a Sala Regia e à esquerda ficam os aposentos. Esse Patio de la Acequia é a parte mais importante da Generalife. O acesso à Generalife se dava por três vias diferentes, uma pela Alhambra, outra a norte, no Postigo de los Carneros e outra no extremo sudeste, onde fica o Pavilhão de entrada. A visita à Generalife se dá da mesma forma que à Alhambra, com horário e data marcada para evitar o excesso de turistas. Mas a entrada ”Alhambra General” inclui todos os palácios e os jardins da Generalife.

Generalife em Granada

Segundo dia em Granada

No segundo dia do seu roteiro de três dias em Granada, faça um passeio pelo centro histórico para conhecer alguns pontos turísticos importantes, como a Catedral de Granada. Além de ser uma Catedral incrível, que foi mandada construir em 1505, é lá que fica a famosa Capela Real, onde estão os túmulos dos Reis Católicos da Espanha. Para para almoçar pelo centro e recarregar as energias para o passeio da tarde. Veja nossas dicas de restaurantes em Granada para se inspirar.

Catedral de Granada - Capela Real

À tarde, vá até o Bairro de Albaicín, que é um dos mais típicos da cidade e onde se vê bem a influência e cultura árabe. Ele fica no alto de uma colina, motivo pelo qual sempre foi um lugar meio desvinculado do resto da cidade. Por esse motivo, foi também o bairro que sofreu mais influência dos mouros na época dos Nasridas, que foi a última dinastia muçulmana a morar na Península Ibérica. Desde então, o bairro preserva detalhes, decorações e construções árabes, sendo por isso muito turístico. Nesse bairro há vários monumentos e construções turísticas, como a Muralha Zirida, a Muralha Nasrida, a Puerta de Elvira, a Igreja de El Salvador (que era uma antiga mesquita), entre outros. Para finalizar o segundo dia do roteiro, vá até à Calle Calderería Nueva, uma rua que parece ser exclusivamente dedicada às famosas Teterías, ou seja, casas de chá. Nessas casas são servidos chás árabes de vários sabores e temperos. Vale a pena experimentar e sair de Granada com um gostinho árabe.

Teteria em Granada

Terceiro dia em Granada

Como já foi dito na introdução da matéria, este último dia pode ser trocado por uma visita à Sierra Nevada, uma montanha importante em Granada e um dos principais locais para esquiar na Espanha. Mas isso só faz sentido no inverno, que é quando há mais neve na serra. Caso vá em estações mais quentes, a dica é ficar por Granada mesmo. Aproveite esse último dia para ir conhecer as Cuevas de Sacromonte, que são várias cavernas onde até hoje habitam os ciganos de Granada. Essas cavernas são as moradias dos ciganos e é muito interessante ver os formatos dessas ”casas”, todas distintas entre si e com estilos bem peculiares. Os ciganos são super acostumados a receber os turistas, então não estanhe essa nossa dica! Aliás, eles adoram contar suas histórias. É uma experiência fantástica e totalmente diferente.

Não esqueça o seguro viagem obrigatório para Europa

Agora que você já sabe tudo sobre um roteiro de três dias em Granada, uma dica importantíssima que reforçamos para todos que estão planejando ir à qualquer país da Europa é que não se esqueça que fazer um Seguro Viagem Internacional é obrigatório para viajar para lá. Veja nossa matéria de Seguro Viagem para Europa com tudo o que você precisa saber sobre o assunto, quais são os melhores seguros e dicas para fazer um excelente seguro por um preço incrível economizando muito.

Use seu celular à vontade na Espanha e na Europa

Poder usar seu celular em Barcelona, na Espanha, na Europa e em qualquer outro lugar do mundo é ótimo, pois ele acaba sendo muito útil. Você pode usar os aplicativos dos pontos turísticos e das cidades, os aplicativos de cupons de desconto, se for alugar um carro você economiza uns 100 euros por não precisar alugar um GPS pois poderá usar o do celular, pode pesquisar os endereços e horários dos lugares, ver a previsão do tempo para se planejar para os passeios e lógico ficar conectado com todo mundo através de aplicativos e postar suas fotos da viagem à Espanha nas redes sociais. Se quiser, veja nossas dicas de como usar o celular à vontade na Europa. É super barato e você vai poder usar seu celular o dia inteiro e em qualquer lugar. E usando a internet do seu celular você poderá pesquisar tudo sobre um roteiro de três dias em Granada quando estiver lá.

Use seu celular à vontade em Ibiza e na Europa

Dicas para aproveitar melhor sua viagem à Espanha

Agora que você já viu tudo sobre um roteiro de três dias em Granada, uma dica legal e que faz a diferença na viagem é que alguns pontos turísticos, praias, cidades legais e vinícolas são um pouco afastados das cidades, e uma ótima opção para aproveitar melhor sua viagem pela Espanha é alugar um carro. Muitos brasileiros estão fazendo isso, pois você pode conhecer várias cidades da Espanha que são lindas fazendo um roteiro por Madri, Barcelona, Granada, Valência, Sevilha e até ir para Portugal, que está pertinho de lá e é uma das viagens mais bonitas e as estradas são lindas. Se quiser, veja nossa matéria de como alugar um carro na Espanha com dicas de como alugar um excelente carro por um preço incrível, comparadores de preços excelentes, documentos necessários e tudo o que você precisa saber sobre o assunto para economizar e fazer o melhor negócio.

Viagem de carro pela Espanha

Veja outras matérias imperdíveis da Espanha:

O que fazer em Barcelona: Principais atrações e lugares de Barcelona na Espanha.
O que fazer em Madri: Principais atrações e lugares de Madri na Espanha.
Dicas para andar de trem na Europa: Melhores empresas, trajetos, onde comprar passagens super baratas e todas as dicas.
Tags: